ConexãoIn

De garimpeiro a dono de império: a história de Ilson Mateus, empresário maranhense que figura na lista dos 10 mais ricos do Brasil

O empresário maranhense Ilson Mateus chama a atenção por figurar entre as 10 pessoas mais ricas do Brasil, segundo dados da Revista Forbes Brasil, pois acumula uma fortuna de R$ 18,72 bilhõe. Aos 57 anos desde muito cedo Mateus se dedicou ao trabalho. No final dos anos 1970 e ainda na adolescência, se aventurou pela rota do ouro do Norte, Serra Pelada, no Pará – assim como muitos outros brasileiros na época. A esperança era a mesma de todos que migravam para a região: encontrar o metal precioso no garimpo.

Quando desembarcou na região garimpeira, logo percebeu que os mais rentáveis barrancos de extração já estavam ocupados. Os caminhos do empresário que o levariam ao verdadeiro pote de ouro no final do arco-íris estavam na região Norte e Nordeste, mas não exatamente no ofício do garimpo.

Por meio de conversas com colegas, Mateus soube que a cidade de Balsas, no Maranhão, estava em um momento de transformação econômica e se mostrava um local atrativo para novos negócios e postos comerciais. Foi então que, no começo da década de 1980, o ex-garimpeiro inaugurou na cidade-promessa uma mercearia cujo carro-chefe era a cachaça. O então simples comerciante também passou a fretar itens produzidos no município de Imperatriz, a 391 quilômetros dali, para serem vendidos em Balsas.[

O pequeno comércio cresceu, foi promovido a supermercado e se ramificou com outras lojas pela região. Hoje, o negócio que deu início ao império Grupo Mateus está presente em 54 cidades do Nordeste, com 137 lojas físicas, sem abandonar as origens. no início Ilson investiu na importação de outros produtos de Imperatriz (Maranhão) e foi fidelizando clientes e o que era apenas uma mercearia se tornou um supermercado e foi abrindo filias em outras cidades e estados. Mesmo com o fortalecimento do seu negócios nunca deixou de estar presente em bairros populares, e ampliou sua rede para atacarejos, hipermercados, lojas eletrônicas e centros de distribuição.

Hoje, são 137 lojas físicas em 50 cidades no Pará, com Mix Atacarejo, Camiño e Eletro Mateus.

Além dos grandes pontos de hipermercados, atacarejo, lojas de eletrônicos e centros de distribuição, o grupo também mantém pequenas lojas de bairro.

Presidido por Ilson Mateus, que também é o principal acionista da companhia, o Grupo Mateus é considerado hoje, uma das maiores empresas de varejo alimentar do Brasil, com presença no Norte e Nordeste

Parte do Grupo Mateus foi adquirido mediante um aporte financeiro da família mineira Duarte de Assis em troca de 30% do negócio. No ano de 2019, o império registrou um faturamento recorde de R$ 9,9 bilhões com lucro líquido de R$ 388 milhões, e expectativa de ultrapassar R$ 13 bilhões em 2020, o que facilita o desejo do grupo em entrar na Bolsa de Valores com um IPO que visa captar 4,5 bilhões de reais.

 

POR: Rita Moraes
Publicado em 23/09/2020