ConexãoIn


‘Nada além do nada’, de Mirna Rubim, aborda as possibilidades de leveza na terceira idade

A comédia musical “Nada além do nada” mistura ingredientes pouco recorrentes para o gênero: as inquietações das mulheres pós-menopausa; as incertezas sobre o futuro num contexto de pandemia; e as gargalhadas que prevalecem na terceira idade diante das contradições da vida. O espetáculo é uma empreitada da multiartista Mirna Rubim – reconhecida pela versatilidade nos palcos da ópera e do teatro musical. Desta vez ela mostra, também, a faceta como autora de texto e canções.

A peça será apresentada em forma de teleteatro, com estreia marcada para o dia 10 de dezembro.Os ingressos estão à venda pela plataforma Sympla, e a curta temporada síncrona terá apresentações de sexta a domingo, até o dia 19 de dezembro. Em cena estão Mirna Rubim e a atriz Gledy Goldbach, na pele de duas moradoras de uma casa geriátrica. A direção é de Menelick de Carvalho.

Sobre ‘Nada além do nada’

A história se passa em 2050, numa casa de repouso onde duas amigas (Tonya Pravda e Adeliah Maltz) vivem seus dias juntas, desfrutando da maturidade que chega com os 89 anos de vida. As piadas e provocações que uma dirige à outra são carregadas de acidez, e deixam transbordar os muitos temas que afligem as mulheres que já passaram pela menopausa.

Em suas reflexões com tons de verborragia, a dupla solta a voz – chegando até mesmo ao rap. Em todas as palavras, faladas ou cantadas, elas questionam a modernidade, a imortalidade, as redes sociais, o casamento, a menopausa, entre outros temas.

O confinamento da pandemia nos trouxe muitas angústias e incertezas. Como artista, mulher e pessoa que vive a terceira idade, decidi encarar de frente todos os temas que passaram pela minha cabeça ao longo de tantos meses. Espero que todos os públicos – das bisavós aos bisnetos – possam se reconhecer e dar boas risadas”, conta Mirna.

Sobre Mirna Rubim

Mirna Rubim (PhD em Voice Performance pela Universidade de Michigan, Umich) fez carreira no canto lírico, participando de montagens das óperas mais célebres do mundo, como “Don Giovanni”, “A Flauta Mágica”, “As Bodas de Fígaro” e “Carmen”. Em 2008, abraçou o teatro musical como a Madre Superiora no musical “A Noviça Rebelde”, com direção de Claudio Botelho e Charles Möeller. Também fez “A Gaiola das Loucas”, com direção de Miguel Falabella e Cininha de Paula. Desde 2017, está em cartaz com o premiado espetáculo “O Som e a Sílaba”, de Miguel Falabella, ao lado de Alessandra Maestrini.

Mirna convidou a atriz e cantora Gledy Goldbach para viver a dócil e sensível Tonya por sua voz e musicalidade extremamente cativantes e seu senso de humor espontâneo e apaixonante. Além de sua relação exemplar com marido e filhos, claramente presentes em sua personagem.

Serviço

Temporada online de sexta a domingo, de 10 a 19 de dezembro

Ingressos a partir de R$ 30 à venda pelo Sympla (clique aqui)

Dia 10 – Sexta – 20h

Dia 11 – Sábado – 20h

Dia 12 – Domingo – 16h

Dia 17 – Sexta – 20h

Dia 18 – Sábado – 20h

Dia 19 – Domingo – 16h

Ingressos

Amo Teatro R$ 30,00

Amigos Sinceros R$ 50,00

Seção Pipoca (Família) R$ 100,00

Padrinhos AUMA * R$ 200,00

* (todos os ingressos no valor de R$ 200,00 serão doados para a Associação AUMA de Autismo)

Elenco

Mirna Rubim – Adeliah Maltz

Gledy Goldbach – Tonya Pravda

Ficha Técnica

DIREÇÃO CÊNICA E CENÁRIO

Menelick de Carvalho

DIREÇÃO MUSICAL

Mirna Rubim

TEXTO E MÚSICA

Mirna Rubim

ASSISTENTE DE DIREÇÃO

Vitor Louzada

DESIGNER DE SOM

Iuri Cunha

DESIGNER DE LUZ

Menelick de Carvalho

FIGURINOS

Gledy Goldbach e Mirna Rubim

VISAGISMO

Vitor Martinez

EDIÇÃO DE VÍDEO E CAPTAÇÃO DE IMAGEM

Lally Zwetzch

CAPTAÇÃO DE IMAGEM
Emillyn Sandes

ASSISTENTE DE EDIÇÃO DE VÍDEO

Rodrigo Rodrigues

Paula Tavares

PRODUÇÃO EXECUTIVA

Gabriela Calainho

ASSISTÊNCIA DE PRODUÇÃO

Gabriela Bottino

ASSESSORIA DE IMPRENSA

Matheus Vieira

DESIGNER GRÁFICO

Isadora Vivacqua

ASSISTENTE DE FIGURINO

Márcia Barreto

#Conexaoin 

#conectadocomanoticia

POR: Rita Moraes
Publicado em 14/12/2021