ConexãoIn

3ª edição do Panda Meeting apresenta Cartpanda Global, serviço que facilita vendas internacionais aos lojistas digitais

Felipe Gomes, coordenador de comunicação da Cartpanda, apresenta novo serviço durante o evento

Buscando oferecer uma plataforma completa e soluções inovadoras para o comércio eletrônico, a Cartpanda, startup de e-commerce, anuncia o Cartpanda Global, funcionalidade cujo objetivo é facilitar a expansão de negócios para fora do Brasil. O serviço acaba de ser apresentado na 3ª edição do Panda Meeting, evento exclusivo para lojistas da plataforma que começou na segunda-feira, 05, e se encerra nesta quarta, 07 de fevereiro, em Balneário Camboriú. No encontro, estão presentes 30 clientes da startup que atingiram R$ 1 milhão em vendas – juntos, somam mais de R$ 50 milhões em vendas realizadas pelos lojistas da plataforma.

Com o novo modelo de vendas internacionais, os lojistas poderão expandir seus negócios para qualquer lugar do mundo e receber diretamente do Cartpanda Pay – um gateway de pagamento próprio com tecnologia multi-adquirente da plataforma.

Com a novidade, será possível ter uma loja que vende tanto nacionalmente, quanto nos Estados Unidos, Portugal, Inglaterra, Holanda, entre outros países, sem se preocupar com as moedas, pois as vendas podem ser feitas a partir do Cartpanda Pay, onde os empreendedores vão conseguir receber em real.

Sobre a Cartpanda

A Cartpanda é uma startup que nasceu em 2020 com o foco de atender empreendedores que atuam com e-commerce e oferece uma solução completa para a criação e gerenciamento de lojas virtuais, também auxiliando os lojistas nas vendas ao fornecer a melhor experiência de compras. A empresa foi criada por Lucas Castellani e lançou recentemente ao mercado sua tecnologia de pagamento própria, o Cartpanda Pay, além de oferecer planos de recompensas exclusivos para seus clientes. Em 2022, a Cartpanda obteve um crescimento em faturamento de mais de 300%, com expectativa ainda maior para 2023. Em seu portfólio, possui clientes como: Pantys, Zissou, entre outros.

POR: Rita Moraes
Publicado em 08/02/2024