ConexãoIn

Novo podcast destaca os bastidores do filme INSPIRA, que conta personalidades como Ailton Krenak, OSGEMEOS, Flaira Ferro, Paola Antonini, Itamar Vieira Junior, Clarice Niskier e Lenine

Depois do enorme sucesso na sua primeira sessão pública, na Cinemateca Brasileira, dia 06 de junho, o filme INSPIRA, de Patricia Travassos, lança o seu podcast, INSPIRA- UM MERGULHO NOS BASTIDORES, que trará depoimentos da cineasta sobre as personalidades que participam do filme, além de ser também uma meditação sobre os encontros da nossas vidas e que acabam nos transformando. O filme é produzido pela Prosa Press, e o podcast é montado pela soupods.

Ailton Krenak, Thiago Ventura, Marcia Barbosa, OSGEMEOS, Flaira Ferro, Julia Rocha, Paola Antonini, Itamar Vieira Junior, Clarice Niskier e Lenine são os personagens do filme, e é sobre os encontros com cada um deles que o podcast abordará.

Ao longo dos 13 episódios do podcast, a diretora conta sobre suas experiências, começando exatamente da gênesis desse documentário. Logo no primeiro, Patricia conta como foi a criação do conceito e a escolha dos personagens do filme, e apresenta um pouco mais da obra ao público.

Nos episódios seguintes, ela resgata os bastidores do documentário, e como foi a conversa com cada um dos entrevistados ou entrevistadas. No episódio sobre Krenak, por exemplo, Patricia resgata o encontro entre o filósofo indígena e a nossa equipe de gravação à beira do Rio Doce.

Por meio de suas lembranças e impressões, ao longo de INSPIRA- UM MERGULHO NOS BASTIDORES, Patricia resgata sua experiência na direção desse documentário, e como cada um dos entrevistados e entrevistadas contribuíram ao filme, e transformaram sua própria vida.

Essa oportunidade única de acessar aos bastidores de INSPIRA também serve como inspiração para que o público busque suas próprias transformações e conexões, tal qual como propõe o documentário.

O podcast pode ser ouvido em: SPOTIFYPODCHASER, IVOOXDEEZER 

1.          A escolha da água como fio narrativo

A diretora Patricia Travassos conta como foi a criação do conceito e a escolha dos personagens do filme. Como mostrar a inspiração de forma visual? Como evidenciar que a inspiração se dá de forma semelhante nos mais diversos universos?

Produzir um documentário é um processo vivo e, durante as gravações, a história ganha diferentes camadas narrativas. Conheça como o filme Inspira parte de histórias individuais e constrói um pensamento plural, coletivo.

 

2.          AILTON KRENAK: Água e fogo, dia e noite!

Para falar sobre inspiração e conexão humana é preciso confiar no outro. Como foi o encontro entre o filósofo indígena e a nossa equipe de gravação à beira do Rio Doce, em Minas Gerais? Cheio de aprendizados, desde o primeiro instante, logo após o sol nascer, até o último momento debaixo do céu estrelado. Ouça o relato da diretora Patricia Travassos.

3.          THIAGO VENTURA: Atravessando a ponte!

Você já pensou em falar sério com Thiago Ventura? Nem a mãe dele. Ao lado da Dona Nice, o comediante recebeu nossa equipe na casa onde nasceu, no Taboão da Serra, e nos levou a um passeio pela infância até o outro lado da ponte.

4.          MARCIA BARBOSA: Lições da molécula de água

Você acredita que uma molécula de água tem muito a nos ensinar sobre a nossa capacidade de fazer conexões? Márcia é uma cientista, gaúcha, apaixonada pelas propriedades desse

líquido e nos guiou num passeio congelante na Praia de Ipanema, à beira do Guaíba, em plena Porto Alegre.

5.          OSGEMEOS: Do hip-hop para o mundo

A construção de um estilo próprio inconfundível é uma jornada dupla. Inseparáveis, OSGEMEOS abriram o universo deles, muito além do ateliê no bairro do Cambuci, para nossa equipe visitar.

6.          FLAIRA FERRO: O coração bate em ritmo de frevo

A cantora e dançarina de frevo pernambucana coloca energia, afeto e intenção em tudo o que faz. Com ela, imprevistos se tornam oportunidades de improviso. Foi assim a gravação do filme entre o mar e o Rio Capibaribe, no Recife.

7.          JULIA ROCHA: Quando a dor é de saudade.

Uma médica sambista que cura, mas também é curada no contato com a realidade dos seus pacientes. Do pão de queijo ao passeio por Betim, nossa equipe acompanhou a disposição dessa mineira na luta pelos nossos direitos mais básicos.

 

8.          PAOLA ANTONINI: Saudação ao sol e à vida!

Você faz as posições invertidas da ioga? Surfa? Mergulha? A Paola começou a fazer tudo isso depois que sofreu um acidente que amputou uma de suas pernas. A vida ganhou mais propósito e isso ninguém tira dela. Nosso encontro foi à beira da Lagoa da Pampulha, um símbolo de Belo Horizonte. Mas esse foi só o começo.

 

9.          ITAMAR VIEIRA JUNIOR: Encontro com a ancestralidade

Se o nosso filme exalta a inspiração que nasce dos encontros, imagina poder conhecer de perto alguém que parece escrever sobre você? Foi o que aconteceu à beira da Lagoa do Abaeté, em Salvador. O lugar de areias brancas era onde as descendentes de escravas lavavam roupa para se sustentar e comprar a alforria dos parentes. A história é preservada pelas Ganhadeiras de Itapuã. Quando elas leram o livro de Itamar, se viram num “espelho”. O encontro deles foi emocionante!

 

10.        CLARICE NISKIER: De alma lavada!

Ela acredita que a vida se dá na tensão de opostos, nos paradoxos. Para Clarice, não existe uma vida sem conflitos. Diante do mar do Arpoador, no Rio de Janeiro, ela contempla o pôr do sol, os altos e baixos da maré e compara as ondas com os tipos de pessoas que encontramos por aí. Como a praia dela, mesmo, é o teatro, ainda visitamos o primeiro palco onde se apresentou.

11.        LENINE: Inspirar para respirar

Nesse momento de crise de humanidade em que estamos vivendo, inspirar é tão fundamental quanto respirar. E basta o Lenine pegar o violão que todos param para ouvir. O nosso encontro foi no Quadrado da Urca, no Rio de Janeiro. Enquanto o neto brincava no parquinho da praça, ele embarcou com nossa equipe numa lancha. Muito mais do que “Um pouco mais de paciência”, ele nos entregou toda a sua emoção.

12.        Descobertas da equipe de produção

Esse filme é um convite para o público mergulhar nas suas próprias referências e se questionar sobre como o seu papel individual pode impactar o pensamento coletivo e a construção de uma sociedade melhor e mais justa. É claro que o processo de produção foi repleto de descobertas para a própria equipe. Nesse episódio, a diretora Patricia Travassos conversa com a assistente de direção Denise Vieira Pinto, o diretor de fotografia Leo Rudá e a montadora Guta Pacheco sobre as escolhas e reflexões que o filme despertou.

 

13.        Da inspiração à execução

Para tirar ideias do papel e torná-las realidade é preciso mais do que inspiração. É preciso respeitar processos, prazos, conseguir financiamento? Para a realização do filme Inspira, a Prosa Press contou com o patrocínio integral da marca 3M. Nesse episódio de podcast, a diretora Patricia Travassos entrevista Luiz Serafim, Head de Marca & Comunicação e Líder de Inovação da 3M, e Clovis Travassos, o produtor executivo de todos os projetos autorais da Prosa, que faz mágica para as nossas ideias caberem no orçamento.

Prosa Press Produções: empresa produtora

A Prosa foi criada em 2012 depois que a fundadora desenvolveu uma coprodução com a Rede Globo para a realização de uma série especial para o programa Fantástico. Foi o reality Mãe S/A. A partir daí, a equipe se cresceu e produz produções audiovisuais autorais que refletem sobre novas tendências tecnológicas e de comportamento que vêm transformando a rotina pessoal e profissional das pessoas.

Além de “Inspira”, a Prosa é responsável pelas produções “Projeto Upload” (CNN Brasil), “Educação Presente para o Futuro” (longa-metragem documentário), “Inovar é um Parto” (documentário, em fase de finalização), “Pílulas da Longevidade” (série de TV), “Fominha” (GNT), “Tristezas Não Pagam Dívidas” (Globonews) e “Mãe S.A.” (TV Globo e Globonews) e “Sem Excesso” (websérie).

A expertise da Prosa em inovação nutre também projetos de comunicação corporativa, atraindo clientes de tecnologia, empresas da nova economia e também as mais tradicionais que querem traduzir a transformação digital para o seu público.

 

POR: Rita Moraes
Publicado em 20/06/2022