ConexãoIn

Música boa e para todos os gostos no Cruzeiro do São Francisco, Santo Antônio Além do Carmo

Tem música para todos os gostos no Largo do Cruzeiro do São Francisco esta semana. Palco de grupos e artistas que fazem sucesso na cena cultural baiana, o local, de segunda a sábado, das 18h às 21h, se tornou o point do happy-hour do Centro Histórico de Salvador. Esta semana  tem shows de forró, rock, samba de raiz, chorinho, MPB e samba-reggae. Se apresentam Gel Barbosa, Rogue Band, grupo Gente do Choro, Aline Souza, Fred Aquino e Nadjane Souza. Os shows são patrocinados pelos restaurantes Boteco do Pelô, Cuco Bistrô, Maná Grill e Odoyá, todos localizados no Largo do Cruzeiro do São Francisco. 

Confira a programação dia a dia :

Quinta-feira, dia 02 de junho – SAMBA DE RAIZ – Aline Souza é cantora e compositora nascida em Salvador. Começou a cantar na sua igreja aos três anos de idade. Dos sete aos 14 anos participou de festivais de música como os realizados pelo SESI e pelos Correios, sempre ganhando competições. Em 2016,  participou do Iluminados, quadro do Domingão do Faustão, onde foi a primeira finalista. Gravou um EP “Meu Samba” com cinco músicas autorais. Viajou para o Qatar- Doha onde cantou por um ano no restaurante brasileiro “Ipanema”. Voltando de lá em 2018, continuou cantando em bares, restaurantes e eventos em Salvador. Em 2020  participou do  “The Voice Brasil”, da Rede Globo, onde cantou “A Loba” e fez Iza, Lulu e Brown virarem pra ela. Aline saiu na quarta fase do programa, próximo das finais. Aline Souza tem um trabalho autoral que está disponível em todas as plataformas digitais, e também  tem clipes no seu canal do YouTube alinesouzacantora.

Sexta-feira, dia 03 de junho – BOSSA NOVA, AXÉ E POP – Fred Aquino faz shows desde os 19 anos como músico do cantor baiano Deco Dias. Também acompanhou a cantora compositora Neila Kadhí e a cantora Joanna Terra. Em 2004 sua música “Urbanos”, gravada por Joanna Terra, e classificada para o segundo Festival da Educadora, ficou entres as 14 finalistas e entrou para o CD daquele ano.  De 2003 a 2016 participou do grupo Cama de Voz. Fez parte da banda de forró Flor Serena como violonista e guitarrista. Como compositor, Fred Aquino já teve músicas gravadas pela banda Estakazero e por Cicinho de Assis.  Em seus shows, busca fazer uma apresentação diversificada, repleta da boa música brasileira.

Sábado, dia 04 de junho – SAMBA-REGGAE – Nadjane nasceu no bairro do Engenho Velho da Federação em Salvador. onde morou boa parte da sua vida. Em sua festa de 15 anos, em 11 de junho de 1996, se tornou a atração principal ao cantar para seus convidados. Esse feito, rendeu um convite para fazer uma audição na Didá Banda Feminina. Neguinho do Samba selecionou Nadjane para se tornar uma das cantoras da banda Didá e em 1997 ela estreou no carnaval de Salvador. Aos 16 anos já fazia shows pelo Brasil, Argentina, Uruguai e USA, dividindo palco com artistas como Sandra de Sá, Emílio Santiago e Daniela Mercury. Em 1998, aos 17 anos, foi convidada para cantar na Banda Egrégora´s. Também formada por mulheres, seu talento a tornou voz principal, participando de shows pelo Brasil e Europa, onde se apresentou em países como França, Suíça e Alemanha.

No ano 2000, decidiu juntar sua experiência, sonho e determinação para realizar seu primeiro trabalho pessoal, a banda Tribazumm. A cantora preservou suas raízes musicais, trazendo todo peso percussivo e com isso, ganhou ainda mais destaque e visibilidade como artista. Após 8 anos de muito trabalho, dedicação e empenho, fazendo shows por todo Brasil, o Olodum convidou a Tribazumm para fazer as aberturas das terças da Benção. Esse convite rendeu a Nadjane uma proposta para assumir os vocais feminino da banda.

Como cantora do Olodum, participou de turnês, inúmeros eventos e festivais de música no Brasil e em países como Itália, Argentina, Chile, Uruguai, México, África do Sul, Senegal, Alemanha, Guiana Francesa e EUA. Um dos diferenciais da artista é cantar canções em inglês. Também participou de programas de TV e rádio no Brasil e em outros países. Em 14 de janeiro de 2015, Nadjane estreou seu primeiro show em carreira solo, Multiplicidade. A cantora também gravou seu primeiro DVD e teve como produtor musical Elpídio Bastos. Paralelo à sua carreira solo, Nadjane Souza participou de diversos projetos musicais, dentro e fora do Brasil. 

Serviço:

Quinta-feira-feira – dia 02.06, a partir das 18h – Aline Souza

Sexta-feira – dia 03.06, a partir das 18h – Fred Aquino

Sábado – dia 04.06, a partir das 18h – Nadjane Souza

POR: Rita Moraes
Publicado em 02/06/2022