ConexãoIn

Designer Roberta Banqueri lança coleção “Tupiniquim”, em parceria com a fabricante Piu Móbile.

Tupiniquim marca o nascimento de uma nova marca. Resultado da parceria entre o fabricante Piu Mobile e a designer Roberta Banqueri. Sua primeira coleção de estofados olha para o futuro com um propósito único: entregar charme, originalidade e excelência na fabricação à apreciadores de design. Muito mais que uma expressão pejorativa, a palavra Tupiniquim carrega em si as raízes do povo brasileiro. Sob essa ótica de ressignificação, a Piu | Roberta Banqueri dá forma e vida a uma coleção inspirada no Brasil, que exalta a resiliência, a resistência e a adaptabilidade do seu povo.

A parceria entre Roberta e a fábrica Piu Móbile nasce para trazer um novo cenário para a área de estofados no Brasil, com o desejo de poder aos poucos mostrar produtos com conceitos e formas diferenciadas, há também o desejo e trabalho de desenvolver soluções e inovações neste seguimento, inspirados nas tecnologias existentes e até em desenvolver algo único, com estudos e investimento, tendo como norteador, caminhar de forma sustentável.

 

Abapo é uma referência direta a obra de Tarsila do Amaral de 1928 chamada Abaporu, sendo umas das mais importantes obras da artista, representa o período modernista antropofágico, que tinha por objetivo absorver as referências europeias na arte brasileira, e colocar algo muito nacional no lugar. Abaporu tem junções de significados Tupis, são eles, ABA+PORA+Ú que significa “homem que come gente”, Tarsila o representa pensativo, melancólico, abaixo do sol, e com os pés grandes, que podem representar a enorme ligação deste homem com a terra. Justamente o Pé grande, um dos elementos mais chamativos na pintura a óleo, é a parte desta obra que faz a ligação com este sofá, os braços laterais tem uma única linha que desenha braço e estrutura do conjunto, lembrando-nos desta memorável obra. Destaque para o braço que se dobra abaixo da estrutura do assento, dando um desenho singular a peça.

Materiais: Estrutura em madeira, percintas elásticas, corpo moldado em espuma, revestido em tecido.

Dimensões: 3.00 de largura X 1.05 de profundidade

 

 

Bulcão, referência a Athos Bulcão, mais precisamente, a pomba que aparece na azulejaria do mural da Igreja Nossa Senhora de Fátima, a primeira construída em Brasília. Artista plástico brasileiro que ficou conhecido pela modulação e grafismo com base em formas geométricas que aplicou em seus azulejos, peças que revestiu diverso murais de construções de arquitetura moderna, é possível ver sua arte espalhada pelo Brasil em diversos edifícios públicos, principalmente em Brasília.

Materiais: Estrutura em madeira, estofada e revestida em tecido.

Dimensões: 3.00 de largura X 1.05 de profundidade

 

 

 

Caatí, é uma referência direta ao chapéu dos catingueiros, feito de couro animal, protege a cabeça do sol forte, e dos espinhos da vegetação, tem formato de cuia. Desta referência foi concebido esta poltrona que nasce deste formato de cuia, com o objetivo de ser muito confortável, acreditando que isto é o que este povo tão batalhador merece, descanso e repouso. A intenção foi falar destas populações que habitam o bioma da Caatinga, são: são sertanejos, vaqueiros, agricultores, populações indígenas e quilombolas, sendo berço de comunidades tradicionais como os índios Tumbalala, os Pankararu, e dos quilombolas de Conceição das Crioulas. A Caatinga apresenta clima semiárido, vegetação com poucas folhas e adaptadas para os períodos de secas, além de grande biodiversidade. O nome Caatinga significa, em tupi-guarani, “mata branca”.

Materiais: Estrutura tubular em metal, revestida em couro ou tecido, estofado em manta, peça única em camadas para fazer encosto e assento.

Dimensões: .95 de largura X 1.20 de profundidade aproximadamente

 

Cacau faz parte da coleção Tupiniquim, nasceu para se expressar, a motivação foi trabalhar com elementos que nos remetesse ao Brasil. A fruta Cacau apesar de não se ter a certeza se é originária ou não da Amazônia, com o nome que significa: comida dos Deuses, está muito presente em tudo o que é nacional, fala se em Cacau e lembramos da Bahia das fazendas que as cultivam, das sementes, lembramos do cheiro enlouquecedor e doce que ela tem. A peça deveria ser grande, ter formas arredondadas, anatômica, para quebrar o ritmo da forma da fruta, trabalhei com assimetria, algo que estará sempre presente em meu trabalho.

Materiais: Estrutura em madeira, corpo moldado em espuma, revestido em tecido.

Dimensões: 1.30 de largura X .90 de profundidade

 

Crio, soma de Cristo+ Rio, veio para falar de uma cidade maravilhosa, que tem muitas complexidades sociais, mas que antes de tudo, brilha sobre nós um céu aberto, um sol e uma orla que encanta a todos, Crio, tem o conforto do local que te abriga e os braços abertos do Cristo que nos protege, sem o apelo religioso, apenas mostrar a conexão com um criador maior, que pode ter o nome que quisermos, apenas cientes que o universo é enorme.

Materiais: Estrutura em chapa de aço carbono, estofada e revestida em couro.

Dimensões: 2.70 de largura X 1.05 de profundidade

Maraa, é uma referência ao Maranhão, mais precisamente as dunas dos Lençóis Maranhense, um dos lugares mais encantadores que Roberta visitou, não tem como não pensar em Brasil e não pensar num lugar tão grandioso, que só de estar ali, é possível sentir toda a presença divina, Maraa, tem uma curva única de encosto com assento, para convidar ao descanso, sofá para se jogar, o tubo metálico, completa a criação, dando apoio a almofada de encosto, que irá confortar a cabeça.

Materiais: Estrutura em madeira, percinta elástica, espuma e manta acrílica, estofada e revestida em tecido tipo lona.

Dimensões: módulos de 1.00 X1.00

 

Motivação para o Oca foi ter um produto que pudesse remeter uma oca, entretanto na versão arquitetura, tipo: Oscar Niemeyer, ser uma dupla homenagem ao abrigo indígena e a delicada casca em concreto do grande arquiteto brasileiro modernista, era o objetivo usar uma estrutura que fosse uma delgada, única e pudesse ser a estrutura do sofá, a peça foi moldada em fibra de vidro, estofada e revestida em couro, tinha que ser baixa, despretensiosa, muito confortável, como um abrigo, além de funcional, para isto recebeu bandeja em pedra exótica nacional e bolsa em couro para controles, telefone, óculos etc.

Materiais: Estrutura em fibra de vidro, estofada e revestida em couro, percintas elásticas, bolsa em couro e bandeja em pedra exótica brasileira.

Dimensões: 2.70 de largura X 1.05 de profundidade

 

 

A inspiração aqui, é a planta aquática Vitória Régia, típica da Amazônia, planta que chega a ter 2 metros de diâmetro e suportar uma pessoa de até 50 quilos, muito usada no paisagismo de Burle Marx. O desejo foi retratar a nossa flora de uma forma leve e exótica, referenciando esta planta a um produto curvo e redondo, além desta planta ter uma correlação muito forte com a coleção Tupiniquim, há uma lenda nascida na região amazônica que liga a Vitória Régia a história de perseverança da índia guerreira Naiá, nascida e criada em uma aldeia tupi-guarani. De rara beleza, Naiá encantava a todos por onde passava. A vitória régia ganhou esse nome do botânico inglês John Lindley, em homenagem à rainha Vitória, do Reino Unido, no século XIX. A expedição à Amazônia de que ele participava levou sementes da planta para os jardins do palácio da rainha.

Materiais: Estrutura um mix de caixa de madeira com metal, estofada e revestida em couro, percintas elásticas.

Dimensões: 2.70 de largura X 0.80 de profundidade

 

 

Motivação para Trespo, foi remeter a praça dos Três Poderes em Brasília, trazer o nosso centro político em cena, com tantas particularidades e complexidades, peças geométrica que se apoiam, mas que não se fundem, algo que é real em nosso cenário, poderes que deviam caminhar juntos, entretanto, ficam andando em paralelo, ou um sobrepondo o outro, há o côncavo e convexo na curvatura, há o cilindro de apoio e o grande volume retangular, que é o nosso assento, foi um cuidado da peça do assento não estar grudada nas laterais, parecerem independentes.

Materiais: Estrutura em chapa de aço carbono, estofada e revestida,

Dimensões: 3.70 de largura X 0.95 de profundidade

 

Urbi vem representar as cidades, os volumes geométricos e retangulares da ocupação verticalizada, representa a elegância e sofisticação que deveria ter nas grandes cidades, já que há a concentração de infraestrutura e bons equipamentos urbanos.

 Materiais: Estrutura em madeira, estofada e revestida em tecido, percintas elásticas para proporcionar conforto

Dimensões: 3.00 de largura X 1.05 de profundidade

 

POR: Rita Moraes
Publicado em 11/05/2022