ConexãoIn

Construtura Moura Dubeaux acredita no mercado imobiliário de Salvador e investe pesado na cidade

Em entrevista ao Jornal A TARDE, o presidente da Moura Dubeux, Diego Vilar, afirmou que Salvador é uma das melhores capitais para se fazer investimento imobiliário. “Salvador é a capital do Nordeste que tem a menor posição de estoque na prateleira, ou seja, o que temos hoje é uma baixa oferta para uma demanda parecida com o boom imobiliário de 2007. Salvador tem uma prefeitura que é rápida e ágil na aprovação dos projetos, tem uma economia que vem andando bem, então eu acredito que é uma das melhores capitais do Nordeste para se fazer investimento imobiliário”, recomendou.

Atualmente, com 7 canteiros de obras em Salvador e alguns projetos em fase de lançamento, a Moura Dubeux gerou cerca de mil empregos diretos e indiretos na capital baiana e a expectativa pós pandemia é otimista. “Diferente das outras atividades econômicas, a partir de junho o mercado imobiliário voltou com bastante força. Passou a ter demanda maior por apartamentos novos e até pela segunda residência, no caso aqui do Nordeste, foram os imóveis de praia. A demanda aumentou porque os juros mais baixos, naquele primeiro momento atraiu muita gente, a taxa Selic subiu, mas ainda está em um ponto neutro e temos muito público sem ser atendido, principalmente porque o mercado esteve muito tempo sem grandes lançamentos e é nesse ambiente que a Moura Dubeux está otimista”, explicou Diego Villar.

Com atuação em todos os segmentos de produtos residenciais e empresariais, desde linhas de produto pós minha casa minha vida até o alto luxo, a Moura Dubeux pretende investir no mercado de Salvador nos próximos anos, cerca de R$ 600 milhões em produtos imobiliários. “É a praça que a gente tem mais interesse em ter um ‘share’ dentro do cardápio da Moura Doubeux no Nordeste como um todo. Assim a gente acredita que é um mercado que a gente pode ocupar entre 500 e 600 milhões de reais por ano em investimento em produtos imobiliários. Esse é o nosso objetivo e não estamos muito distantes disso”, afirmou.

Fonte: jornal A TARDE 

#conexaoin 

#conecntadocomanoticia 

POR: Rita Moraes
Publicado em 04/11/2021