ConexãoIn

Pacarrete, vencendor do Festival de Gramada será exibido na 43ª Mostra São Paulo

Depois fazer sua estreia nacional no Festival de Cinema de Gramado, onde levou os prêmios de Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Atriz, Melhor Roteiro, Melhor Ator Coadjuvante, Melhor Desenho de Som e Melhor Filme do Júri Popular, PACARRETE, de Allan Deberton, será exibido na 43ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, que acontece de 17 a 30 de outubro na capital paulista. 

O longa, que teve sua estreia internacional no 22th Shanghai International Film Festival (SIFF), Golden Goblet Awards, é inspirado na história real de uma vizinha do diretor quando este era criança e aborda questões como a loucura, a permanência do sonho e o drama da velhice de uma bailarina clássica, que gostava de ser chamada de Pacarrete – margarida em francês.  

Para dar mais realismo à produção, as filmagens foram realizadas em Russas, interior do Ceará e cidade natal de Deberton. Nascida e criada na cidade, Pacarrete alimentou desde criança o sonho de ser artista e viver a vida na ponta da sapatilha, mesmo sendo de uma cidade conservadora onde mulher nasceu para casar e ter filhos. Mas é em Fortaleza que ela consegue estar nos centros dos palcos como bailarina clássica e se tornar professora de ballet. Com a aposentadoria, retorna para sua cidade natal onde pretende dar continuidade ao seu trabalho artístico, mas só se depara com desrespeito à sua arte: em vez de plateias de admiradores e aplausos, ela se defronta com o despeito daqueles que cruzam seu caminho. A bailarina de outrora, que acredita ainda ser, transformou-se na “louca da cidade”.   

O longa é protagonizado por Marcélia Cartaxo (“A História da Eternidade”, “A Hora da Estrela”) e traz, ainda, no elenco as atrizes paraibanas Zezita Matos (“Onde Nascem os Fortes”) e Soia Lira (“Central do Brasil”, “Abril Despedaçado”), o ator baiano João Miguel (“3%”, “Estômago”), os cearenses Débora Ingrid (A História da Eternidade), Samya de Lavor (“Inferninho”, “O Último Trago””), Edneia Tutti (Os Olhos de Arthur) e Rodger Rogério (Bacurau), além da participação de atores e atrizes da própria cidade.  

O filme foi aprovado no Edital Longa BO 2016 do extinto Ministério da Cultura, é incentivado pela ANCINE, BRDE/FSA. O Edital Longa BO Ficção já contemplou 38 filmes de baixo orçamento com recursos financeiros para que estas produções pudessem ser realizadas.

O diretor Allan Deberton e a atriz Marcélia Cartaxo estarão em São Paulo durante a 43ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo.    

SINOPSE  
Pacarrete é uma bailarina incomum que vive em Russas, no interior do Ceará. Na véspera da festa de 200 anos da cidade, ela decide fazer uma apresentação de dança, como presente, “para o povo”. Mas parece que ninguém se importa…   

FICHA TÉCNICA  
Elenco: Marcélia Cartaxo, Zezita Matos, Soia Lira, João Miguel, Samya de Lavor, Débora Ingrid, Edneia Tutti Quinto e Rodger Rogério   
Direção: Allan Deberton    
Roteiro: Allan Deberton, André Araújo, Samuel Brasileiro e Natália Maia   
Produção Executiva: Allan Deberton e Ariadne Mazzetti    
Co-produção: MISTIKA e MIX ESTÚDIOS   
Produção: César Teixeira e Clara Bastos   
Fotografia: Beto Martins    
Som Direto: Márcio Câmara    
Direção de Arte: Rodrigo Frota   
Figurino: Chris Garrido    
Maquiagem: Tayce Vale    
Preparação de elenco: Christian Duurvoort    
Coreografia: Fauller e Wilemara Barros   
Edição de Imagem: Joana Collier    
Trilha Sonora: Fred Silveira   
Edição de Som: Cauê Custódio e Rodrigo Ferrante   
Mixagem: Rodrigo Ferrante    

PRÊMIOS E FESTIVAIS

22th Shanghai International Film Festival (Shanghai, China, 2019) 
Golden Goblet Nominee – Official Competition 

47th Gramado Film Festival (Gramado, Brazil, 2019) 
Official Competition – Winner of 8 Kikitos (Best Film, Best Film Popular Jury, Best Director, Best Screenplay, Best Actress, Best Supporting Actor, Best Supporting Actress and Best Sound Design) 

29th Cine Ceará (Fortaleza, Brazil, 2019) 
Closing Night Film – Hors Concours 

26th Vitória Film Festival (Vitória, Brazil, 2019) 
Official Competition – Winner of Best Actress (Marcélia Cartaxo) 

22th FAM – Florianópolis Audiovisual Mercosul (Florianópolis, Brazil, 2019) 
Official Competition – Winner of Best Film and Best Film Popular Jury 

13th Buffalo International Film Festival (Buffalo, USA, 2019) 
Official Competition 

12th LABRIFF – Los Angeles Brazilian Film Festival (Los Angeles, USA, 2019) 
Official Competition 

36th Bogotá Film Festival (Bogotá, Columbia, 2019) 
Official Competition 

43rd São Paulo International Film Festival (São Paulo, Brasil, 2019) 
Brazil Session 

XV Panorama Internacional Coisa de Cinema (Salvador, Brazil, 2019) 
Official Competition 

19th Scottsdale International Film Festival (Scottsdale, USA, 2019) 
Official Competition 

34th Trieste Latin American Film Festival (Trieste, Italy, 2019) 
Official Competition 

14th Cinema dos Sertões Film Festival (Floriano, Brazil, 2019) 
Official Competition 

13th Annual Lone Star Film Festival (Fort Worth, USA, 2019) 
Official Competition 

9th SERCINE – Festival Sergipe de Audiovisual (Sergipe, Brazil, 2019) 
Closing Night Film – Hors Concours 

12º Festival do Cinema Brasileiro de Penedo  (Sergipe, Brazil, 2019) 
Closing Night Film – Hors Concours

SOBRE O DIRETOR   
Allan Deberton é produtor, diretor e roteirista, formado em Cinema na Universidade Federal Fluminense (UFF-RJ). Dirigiu os premiados “Doce de Coco” (2010), “O Melhor Amigo” (2013), “Os Olhos de Arthur” (2016), que juntos participaram de mais de 100 festivais nacionais e internacionais e conquistaram 49 prêmios. Em 2015, produziu o longa documentário “Do Outro Lado do Atlântico”, de Márcio Câmara e Daniele Ellery, com estreia no Festival de Havana. Em 2017, co-produziu para a EBC a série de TV  “Lana & Carol”, de Samuel Brasileiro e Natalia Maia (PRODAV 9/15); o longa “Se Arrependimento Matasse”, de Lília Moema (PRODECINE 1/15). Co-produziu com a Globo Filmes o telefilme “Baião de Dois”. Em 2019, lança seu primeiro longa, “Pacarrete”, contemplado no edital FSA/Minc e desenvolve, com seu sócio André Araújo, os longas “O Melhor Amigo”, “Doce de Coco”, “Feito Pipa” e “Marcélia”.     

SOBRE MARCÉLIA CARTAXO   
Marcélia Cartaxo é atriz consagrada nacional e internacionalmente. Recebeu o Urso de Prata de Melhor Atriz no Festival de Berlim, com o longa-metragem “A Hora da Estrela” (1985), de Susana Amaral. Atuou em diversos outros filmes, com destaque para “Madame Satã” (2002) e “O Céu de Suely” (2006), de Karim Ainouz, “Baixio das Bestas” (2006), de Claudio Assis, “A História da Eternidade (2014), de Camilo Cavalcante, e em várias novelas e programas de televisão. Além disso, também tem realizado filmes de curta metragem como diretora e roteirista. Em 2015, levou o troféu de Melhor Atriz no Festival de Brasília pelo filme “Big Jato” (2015) , de Cláudio Assis.   

POR: Rita Moraes
Publicado em 10/10/2019