ConexãoIn



Cinco modelos SUVs chegam ao mercado no fim do ano

Com a pandemia o Salão do Automóvel de São Paulo provavelmente não acontecerá em novembro, como previa o calendário de mercado de automóveis. Entre as novidades, que seriam apresentados para os consumidores cindo modelos SUVs, dois deles nacionais se destacam. O mais em conta é o VW Nivus, fabricado sobre a mesma base da dupla Polo e Virtus, mas não deverá chegar por menos de R$ 80 mil. Os demais são todos de alto valor e bastante sofisticados, como é o caso do Audi etron Sportback, versão com ares de cupê do SUV totalmente elétrico, que foi lançado no Brasil no final de abril.Confira detalhes de 5 SUVs novos que virão até o fim do ano.

Ford Territory

A marca americana precisa de uma boa novidade para se recuperar no mercado brasileiro, não apenas quando o assunto é linha de produtos, mas rentabilidade. E o SUV médio Territory vai chegar no fim do ano, depois de algumas idas e vindas, para contribuir com esses objetivos. O carro virá da China, com uma lista recheada de equipamentos, para brigar no mesmo segmento do Jeep Compass, o líder de vendas.

Entre outros itens, o SUV médio da Ford deverá contar com carregamento sem fio para celular, central multimídia e painel de instrumentos com telas de 10 polegadas, ele terá um sistema de comunicação em tempo real com modem embarcado conectado ao FordPass que permite ao motorista travar, destravar, dar partida, localizar e obter informações de telemetria do carro remotamente, entre vários outros itens. Deve chegar com motor 1.5 turbo, de 163 cv, com câmbio de seis marchas.

O SUV topo de linha da marca chinesa será fabricado em Anápolis (GO), com capacidade de levar 7 ocupantes e uma lista bem recheada de equipamentos. Entres os principais, destacam-se central multimídia com tela de 10,25″, carregador de celular por indução, sensores de ponto cego, câmera de 360° e faróis de LED.

No conjunto mecânico haverá motor 1.6 turbo, de 186 cv que funcionará com câmbio automático de dupla embreagem e 7 marchas, banhado a óleo. Além disso, a alavanca de câmbio será do tipo joystick , como a de SUVs de alto luxo, como da BMW e Porsche. Com porte de VW Tiguan, o Tiggo 8 terá 4,70 metros de comprimento, 1,86 m de largura, 1,74 m de altura e com um entre-eixos de 2,71 m.

VW Nivus

Será o primeiro SUV a chegar dos cinco desta lista. A estreia nas lojas está prevista para o mês que vem, mas os preços oficiais ainda não foram divulgados. Estima-se que ficarão entre R$ 80 e R$ 100 mil, conforme a versão. O carro tem entre os principais destaques a central multimídia Volks Play, com tela de 10 polegadas, conectividade para internet (não nativo) e vários aplicativos, desde iFood até Waze. Tem ares de cupê e as seguintes medidas: 2,56 metros de entre-eixos, enquanto o T-Cross tem 2,65 m (medida usada no sedã Virtus). Seus 4,26 metros de comprimento são maiores do que os 4,19 m do T-Cross. O motor é 1.0 turbo flex, de 128 cv, que funciona com câmbio automático de ses marchas. Para condizer com certo apelo esportivo, contará com freios a disco nas quatro rodas e acerto dinâmico exclusivo para a suspensão, direção e controle de estabilidade, conforme a fabricante.

Audi E-Tron Sportback

A versão com jeito de cupê vem com motor de 407 cv e autonomia de 446 km. de acordo com dados da fabricante alemã, que também divulga desempenho animador. Para acelerar de 0 a 100 km/h é preciso apenas 5,7 segundos no modo Sport, quando há nada desprezíveis 67,7 kgfm de torque.

Assim como o e-tron tradicional, há cêmeras no lugar de retrovisores e alta dose de sofsiticação. O carro tem 4,901 mm de comprimento, 1,935 mm de largura e 1,616 mm de altura, com caimento acentuado do teto na traseira dando um toque de cupê ao modelo. A distância entre-eixos é de 2,928 mm, enquanto o porta-malas oferece capacidade para 615 litros, ou 1655 l com os bancos traseiros rebatidos.

Land Rover Defender

A nova geração do famoso SUV chegará ao Brasil, no fim do ano. A linha compreende os modelos S, SE, HSE, First Edition e, o top de linha, Defender X, com carroceria em versões 110 e 90. o Defender continua sendo um utilitário. A manopla de câmbio foi instalada no painel, liberando espaço extra para mais um assento dianteiro. Dessa forma, o Defender 110 pode levar seis pessoas, com espaço de carga para até 1075 litros na traseira.

O Defender contará com quatro opções de motores. Os modelos diesel terão motor 2.0 twin turbo, com opções de 200 cv e 240 cv. Para as versões a gasolina, serão 300 cv na versão 2.0 mais barata, contando ainda com uma opção híbrida capaz de desenvolver 400 cv de potência e 56 kgfm de torque. Este último, entretanto, ainda não tem data para estrear. De acordo com os executivos, a arquitetura do SUV é a mais resistente na história da Land Rover. Ela é três vezes mais rígida do que os modelos tradicionais

Confira as imagens!

#conexaoin99

#conectadocomanoticia 

POR: Rita Moraes
Publicado em 23/06/2020