ConexãoIn

PF prende ex-Ministro das Cidades e atual Secretário de Transporte de São Paulo, Alexandre Baldy

Policiais federais prenderam nesta quinta-feira, Alexandre Baldy,  secretário estadual de Transportes Metropolitanos de São Paulo, acusado de realizar contratos irregulares em 2013, em contratos de saúde.

Ele foi um dos alvos da operação Dardanários, que cumpri mandatos de prisão nas cidades de Petrópolis (RJ), Goiânia, Brasília, São Paulo e São José do Rio Preto (SP).

Baldy, já foi deputado estadual e federal por Goiás e ocupou o cargo de Ministro das Cidades no governo de transição de Temer, em 2017. 

A assessoria do secretário dos Transportes Metropolitanos (STM) do Estado de São Paulo, Alexandre Baldy, chamou a prisão temporária do chefe da pasta de “desnecessária e exagerada”. Em nota, afirmaram que Baldy, ex-ministro das Cidades no governo do ex-presidente Michel Temer, “tem sua vida pautada pelo trabalho, correção e retidão.”

Os investigados responderão pelos crimes de corrupção, peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa, e após procedimentos de praxe, serão encaminhados ao sistema prisional e ficarão à disposição da justiça.

Os mandados judiciais, expedidos pela 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, estão sendo cumpridos pela Delegacia de Repressão a Corrupção e Combate a Crimes Financeiros (Delecor), com apoio do Ministério Público Federal (MPF).

A investigação é um desdobramento das operações Fatura Exposta, Calicute e SOS, que tiveram o ex-governador Sérgio Cabral e gestores de seu governo (2007 a 2014) como investigados.

#conexaoin99

#conectadocomanoticia

POR: Rita Moraes
Publicado em 06/08/2020