ConexãoIn


Virada Salvador: Palco Brisa recebe nomes do novo cenário da música baiana: cantores Guedez e DAI estão entre os convidados

O frescor da nova música baiana vai estar presente no Festival Virada Salvador 2023. O evento chega nesta edição com um palco onde circulam nomes da cena contemporânea da Bahia. O palco Brisa – que recebeu esse nome por conta da proximidade com o mar da capital baiana –  será ativado no dia 28 de dezembro e terá diversas atrações até o dia 1° de janeiro, na Arena Daniela Mercury, na Boca do Rio. Entre as atrações os jovens cantores GUEDEZ, idealizador do SOTEROPAGOTRAP, e a cantora DAI.

A intenção do “Brisa” é unir um local inspirador à música feita atualmente pelos baianos para o mundo. A curadoria do palco foi do produtor Alex Pinto, gestor de carreiras de artistas como Àttooxxá e Afrocidade.

“Sem sombra de dúvidas o palco Brisa abrilhanta a nossa festa. Somos ecléticos e cheios de talentos que despontam nos quatro cantos da nossa cidade. Enaltecer a nova cena é enaltecer o presente e o futuro de nossa cultura.”, declara o prefeito Bruno Reis.

Nos três primeiros dias de espetáculo, o Brisa traz um projeto mais diverso, contemplando uma gama de vertentes da música, como o pagode, samba, rap, ijexá, pagotrap e reggae, além da música eletrônica que vai rolar durante os intervalos das bandas. No dia 31, o palco Brisa homenageia as mulheres, em uma programação que contempla grandes vozes e projetos da força feminina, pensando na potência dessas artistas, abrindo as portas do ano de 2023 em Salvador.  Já no dia 1° a curadoria do palco leva para o público uma programação com a cena mais urbana de Salvador, com nomes do rap, trap e hip hop soteropolitano.

 

Para o cantor, compositor e beatmaker GUEDEZ, que participa como convidado do grupo “Não Pode Ser Nada”, está na grade vale muito para apresentar o ‘novo’ à cidade. “Criamos o primeiro festival de trap e pagotrap de Salvador, o SOTEROPAGOTRAP que compartilha da mesma ideia do palco Brisa, por isso a importância de tocar lá!” Contou.

 

Alguns dos shows que serão realizados no Brisa acontecem pela primeira vez, a exemplo do jovem talento Felipe Barros, que convida Márcia Castro; Gibi e Sistema Paggotrap convida DAI; Afrocidade convida Shook; e Vandal convida Áurea Semiseria. Além disso, nomes que foram revelação ao longo do ano também se apresentam no palco, a exemplo de O Kanalha, Melly e Oh Polêmico.

 

O Festival Virada Salvador é uma realização da Prefeitura com patrocínio da Brahma, Bradesco, Salvador Shopping e Maquininha Justa.

 

Programação:

 

28 de dezembro

 

DJ Peuz

DJ Xirita

Dja Luz + Nara Couto

OQuadro + Eloah

Não Pode Ser Nada + GUEDEZ

ÀTTØØXXÁ

Filhos da Bahia

 

29 de dezembro

 

DJ Peuz

DJ Alvaro Réu

Fora da Mídia + Maíra Lins

Felipe Barros   + Márcia Castro

Laiô e Pedro Pondé

Gibi e Sistema Paggotrap + DAI

Oh Polêmico

 

30 de dezembro

 

DJ Peuz

DJ Pivoman

Mavi

Roça Sound

Afrocidade + Shook

O Kanalha

Diggo

 

31 de dezembro

 

Gabi da Oxe + Maya e Bel4triz

Sambaiana e Ju Moraes

Nêssa

Melly

A Dama

Dj Belle + Nininha Problemática

 

1º de janeiro

 

Bruxa Braba

Hiran

Makonnen Tafari

Mr Armeng

Duquesa

Ravi Lobo

Vandal + Áurea Semiseria

 

 

 

Foto: divulgação

POR: Rita Moraes
Publicado em 23/12/2022