ConexãoIn

Olimpíada Brasileira de Biologia, realizada pelo Instituto Butantan, terá participação de estudantes de Salvador

Estudantes do ensino médio de Salvador vão participar da 18º edição da Olimpíada Brasileira de Biologia (OBB), realizada pelo Instituto Butantan. Reunindo alunos de colégios públicos e privados de todo o Brasil, o concurso terá a primeira fase disputada já nesta sexta-feira (11), entre 9h e 16h, em formato híbrido. A capital baiana será representada por 32 estudantes, do Colégio Cândido Portinari.

Nessa primeira prova, todos serão submetidos a um exame com 30 questões de múltipla-escolha, sobre assuntos relacionados a matéria, como citologia, botânica, zoologia, anatomia, genética e evolução. Os mais bem ranqueados vão se classificar para a fase 2A da olimpíada, marcado para abril; e disputarão a vaga para a última fase, a 2B, que vai acontecer em maio.

“Nessa última fase da OBB, serão escolhidos os alunos que vão disputar a 33ª edição da Olimpíada Internacional de Biologia (IBO) e 16ª edição da Ibero-Americana de Biologia (OIAB), marcadas para ainda este ano. Em termos de experiência e construção de carreira dentro da biologia, trata-se de uma sequência de oportunidades muito valiosas”, ressalta a professora de Química e coordenadora do departamento de Ciências Naturais do Colégio Portinari, Sandra Guimarães.

Ao todo, serão distribuídos seis prêmios, desde o certificado de ouro, destinados aos 25 estudantes mais bem colocados, ao certificado de honra ao mérito, que serão entregues aos alunos posicionados entre as posições 176 e 375.

A Olimpíada Brasileira de Biologia

Organizado pelo Instituto Butantan, a olimpíada reúne estudantes do ensino médio de todo o Brasil, de escolas públicas e privadas. O tema da 18ª edição do concurso é “Desafios e possibilidades na erradicação de doenças negligenciadas”. Como conceito, a OBB tem o intuito de promover e disseminar conhecimento nas áreas da Biologia e Ciência.

 

POR: Rita Moraes
Publicado em 11/03/2022