ConexãoIn

M.Officer, marca de vestuário, entra em recuperação judicial com dívida de R$ 53,5 milhões

 

Alegando “concorrência desequilibrada com gigantes players asiáticos”, o grupo M5, da marca de moda M.Officer, entrou em recuperação judicial. Com 12 lojas físicas espalhadas em três Estados e no Distrito Federal, a empresa alega ter dívidas na casa dos 53,5 milhões de reais. O pedido já foi aceito pela Justiça de São Paulo.

A M.Officer é a marca de jeanswear do designer Carlos Miele. Ela nasceu como seu projeto de graduação na Fundação Getúlio Vargas há 30 anos.

Quanto às razões da crise econômico-financeira enfrentada pelas requerentes, ressaltam a concorrência desequilibrada comgigantes players asiáticos, as consequências econômicas do período da pandemia da covid-19 – contexto em que a M.Officer teria sofrido uma queda de 91% nas vendas, bem como grandeinadimplência dos consumidores”, diz parte do despacho da Justiça que apresenta os argumentos da M.Officer para o pedido de recuperação judicial.

POR: Rita Moraes
Publicado em 12/09/2023