ConexãoIn

Ex-deputado ‘Boca Aberta’ é preso por posse ilegal de arma de fogo

 

Emerson Petriv, ex-deputado federal bolsonarista conhecido como “Boca Aberta”, foi preso na manhã desta quarta-feira (19) em Londrina-PR por posse ilegal de arma de fogo. A pena para esse crime é de detenção, que pode variar de um a três anos, e multa, nos termos da Lei Nº 10.826, de 22 de dezembro de 2003 .

A arma foi descoberta durante uma operação de busca e apreensão realizada pelo Ministério Público do Paraná (MP-PR), por meio do Grupo Especializado na Proteção do Patrimônio Público e no Combate à Improbidade Administrativa (Gepatria) e apoio do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado).

Em maio deste ano, a PM encontrou um revólver calibre 38 em um ônibus do ex-deputado paranaense, no município de Londrina, durante uma fiscalização. Boca Aberta afirmou que foi tudo um mal entendido.

O objetivo da operação é apurar denúncias sobre um suposto esquema de rachadinha – prática corrupta em que políticos retém parte dos salários dos funcionários de seus gabinetes.

Além da arma irregular, também foram apreendidos celulares e computadores. Segundo o MP-PR, Boca Aberta estaria atacando e intimidando vítimas dessa prática criminosa por meio de suas redes sociais. Por esta razão, a Justiça determinou ainda a monitoração eletrônica do ex-deputado Boca Aberta com tornozeleira eletrônica.

Ele também foi proibido de ter contato, seja físico ou por qualquer meio de comunicação, com as testemunhas do caso, nem se aproximar delas, mantendo uma distância mínima de 200 metros.

POR: Rita Moraes
Publicado em 19/07/2023