ConexãoIn

Com serviços de saúde e cidadania, Feiras Cidadãs atenderam mais de 311 mil pessoas em 2022

Somente em 2022, mais de 311 mil pessoas foram atendidas pela Feira Cidadã, iniciativa promovida pela Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab) que une serviços de saúde e cidadania em um só lugar, levando atendimento para quem mais precisa. De março a outubro, as 32 edições da feira visitaram 29 municípios de todas as regiões do estado, oferecendo serviços como consultas odontológicas, oftalmológicas, exames como raio-x, ultrassonografia e eletrocardiograma, além de preventivo ginecológico, cirurgias eletivas de hérnia, histerectomia e vesícula, e também ações de cidadania, como emissão de RG e CPF, através do SAC Móvel.
Ao todo, foram realizadas 75.546 ultrassonografias, 17.907 eletrocardiogramas, além de 58.013 mil atendimentos de oftalmologia, 24.095 mil cirurgias de catarata e 52.140 consultas e procedimentos odontológicos. Com três edições promovidas, a cidade de Salvador liderou o número de atendimentos com mais de 32 mil pessoas acompanhadas durante o evento, seguida por Itabuna com 15.412 atendimentos e Bom Jesus da Lapa, que registrou 14.524.
Secretária da Saúde do Estado, Adélia Pinheiro comemora os resultados alcançados pela feira, que leva a saúde mais próxima da população. “Desde de março retomamos as atividades da Feira Cidadã, depois de 2 anos parada por conta da pandemia. Isso é cuidar melhor e mais de baianas, baianos e aqueles que escolheram morar na Bahia. As Feiras de Saúde oferecem um serviço que atende as pessoas e que, muitas vezes, os municípios deixam acumular e não tem estrutura e capacidade para oferecer esse atendimento aos seus munícipes. Portanto, é uma ação de complementação para nós, do Governo do Estado, que estamos sempre preocupados com as necessidades das pessoas”, avalia.

Coordenador da iniciativa, Edvaldo Gomes ressalta que a Feira Cidadã oferece serviços, prioritariamente, de atenção básica, e pode ser ampliada em 2023. “A Feira veio para garantir o acesso a esses serviços com qualidade e humanização. Ela é uma ação realizada em todas as regiões, desde 2017 já estivemos em mais de 100 municípios mudando a vida das pessoas. Nossa expectativa para 2023 é ampliar a iniciativa, agregando mais alguns serviços para que possamos contemplar ainda mais pacientes” explica

POR: Rita Moraes
Publicado em 15/12/2022