ConexãoIn


Antoniob Prata,Rodrigo Oliveira e Namastê Messeres nos novos episódios do Podcast “Caminhos Possíveis”

Após a estreia de seus primeiros episódios, o podcast Caminhos Possíveis traz nesse domingo (21) três novos episódios abordando as paternidades de seus entrevistados por meio de suas áreas de especialidade. Os programas contarão com a presença, entre outros, do escritor Antonio Prata, o chef Rodrigo Oliveira e Namastê Messerschmidt, agricultor e consultor agro florestal.

Criado por Rodrigo Sarti Werthein, Walter Figueiredo De Simoni,  Aaron Fernández e Rune Tavares, o podcast traz episódios de cerca de 30 minutos, e apresenta novas perspectivas de maneira bem humorada e acessível. Os entrevistados são interessantes por terem a bagagem que têm em suas respectivas áreas, e falam sobre essas áreaS e temas que se relacionam com ter filhos, criar uma criança. Nas entrevistas, conversamos sobre o tema daquelas pessoas, e dentro disso exploraramos  como isso afetou a paternidade e vice-versa, explica Walter.  

Nos episódios disponíveis a partir de domingo, os escritores Antonio Prata (Jacaré, não!) e Jeferson Tenório (O avesso da pele) falam sobre Livros, enquanto os chefs Edgar Villar (Rinconcito Peruano) e Rodrigo Oliveira (Mocotó) abordarão Pratos. Já André Baniwa, uma liderança do povo Baniwa, Namastê Messerschmidt, agricultor e consultor, e o arquiteto José Bueno discutirão questões da Natureza e a criação de filhos.

O podcast Caminhos possíveis estreou em 14 de agosto, Dia dos Pais, com 3 episódios trazendo a participação de Christian Dunker e Sidarta Ribeiro (Cérebro); Roquinho, Hamilton de Holanda e Zeca Baleiro (Criatividade); e Humberto Baltar e  Jefferson Tenório (Imagem). Ainda nessa temporada, o programa trará entrevistas com Carmo Dalla Vecchia, Talal Al Tinawi e Guilherme Ortenblad. 

CAMINHOS POSSÍVEIS

21/08:

Livros (Antonio Prata e Jeferson Tenório)

Prato (Edgar Villar e Rodrigo Oliveira)

Natureza (André Baniwa, Namastê Messerschmidt e José Bueno)

Onde: SPOTIFYDEEZERAMAZON MUSICAPPLE

A EQUIPE

Rodrigo Sarti Werthein, idealizador do podcast, pai da Maia e padrasto do Nicholas, cineasta, é sócio da produtora audiovisual paulista ACERE e já produziu diversos longas e séries e mais de uma centena de vídeos educativos.   Desde o nascimento de Maia vem discutindo, sempre que possível, diversos caminhos da paternidade.

Walter Figueiredo De Simoni é pai do Miguel e do Francisco, mineiro, economista e especialista em políticas públicas e mudanças climáticas. Tem uma carreira em desenvolvimento sustentável e políticas públicas que perpassa os setores público, privado e terceiro setor. Hoje é Diretor de Articulação e Diálogos do Instituto Talanoa.

Aaron Fernández é um diretor de cinema mexicano, formado em estudos cinematográficos e audiovisuais na França. Dirigiu Partes usadas, Las horas muertas e Um Filósofo na Arena. E pai de Julián, de 15 anos.

Rune Tavares é padrasto do Julio e pai do Antônio. É economista, e produtor executivo de audiovisual há 15 anos, com experiência em longas e séries, além de sócio da produtora Acere.

CRIADORA E APOIADORES

ACERE: Produtora audiovisual independente, A ACERE tem como vocação à criação de conteúdos originais e nasceu da reunião das expertises de seus sócios, visando o desenvolvimento e realização audiovisual. Acere é uma palavra africana que define as pessoas com quem se mantém uma relação de amizade, companheirismo e irmandade. Em português é o verbo que descreve a transformação de ferro em aço. A Acere acredita na amizade como a energia para transformar vida em arte. Desde 2007 produz longas e séries de ficção e documentário em parceria com os principais nomes do audiovisual brasileiro.

FBVL: A Fundação Bernard van Leer é uma fundação holandesa que trabalha globalmente para garantir que todos os bebês e crianças pequenas – especialmente os mais vulneráveis – tenham um bom começo de vida. Ela desenvolve e compartilha o conhecimento de experiências que funcionam no desenvolvimento da primeira infância. Também fornece apoio financeiro e expertise para parceiros de governos, sociedade civil e privada para ajudar no teste e ampliação de serviços que efetivamente melhorem a vida de crianças pequenas e suas famílias

IFAN: Desde 1999, o Instituto da Infância – IFAN, organização da sociedade civil, atua com a missão de produzir e disseminar conhecimentos inovadores sobre as infâncias, sob a visão de se estabelecer como um centro de referência na área da infância no nordeste brasileiro. O IFAN prioriza como eixo central de suas estratégias a Gestão de Conhecimentos, a qual se baseia na interface das lições aprendidas com a prática em projetos e programas operacionais, além de ações de advocacy, contribuindo, assim, para o desenho de tecnologias sociais inovadoras e fomentadoras de novas políticas públicas na área das infâncias.  

Caminhos Possíveis é um podcast produzido dentro do escopo do Projeto Planos Primeira Infância (executado pelo IFAN com o apoio da Fundação Bernard van Leer).

 

POR: Rita Moraes
Publicado em 19/08/2022