ConexãoIn

Amigos do Bem traz o sertão nordestino para SP em noite especial

 

A 12ª edição do Jantar Beneficente da ONG Amigos do Bem, que aconteceu na última terça-feira (3), no Espaço Unimed, em São Paulo, foi um marco na história da organização. Em celebração aos 30 anos da dedicação da instituição na luta contra a fome e a miséria no sertão nordestino, o evento reuniu algumas das personalidades mais importantes do empresariado brasileiro, formadores de opinião e artistas comprometidos com a causa social.

Entre os convidados notáveis estavam Luiza Trajano, presidente do Conselho de Administração do Magazine Luiza, Tarciana Medeiros, presidente do Banco do Brasil e Alexandre Costa, fundador e CEO da Cacau Show. Com apresentação de Pedro Bial e Rodrigo Faro, o público presente ainda pôde contemplar um emocionante show do cantor Daniel, além da apresentação de 100 jovens e crianças do sertão, atendidas pelo projeto, que encantaram o público.

“Eu faço parte dos Amigos do Bem e frequento o sertão nordestino há mais de nove anos. Posso afirmar que este é um dos projetos mais lindos do mundo”, descreve Luiza Trajano, presidente do Conselho de Administração do Magazine Luiza.

De acordo com Alcione Albanesi, presidente e fundadora da Instituição, a celebração reforça o compromisso da ONG com a transformação da vida de mais de 150 mil pessoas que são atendidas todos os meses no sertão nordestino.

“Esse projeto só é possível pelo apoio de muitos amigos, colaboradores, patrocinadores, artistas e da ajuda incansável dos nossos voluntários. Nestes 30 anos de trabalho, conseguimos mudar a realidade de milhares de famílias em regiões distantes e extremamente carentes do nosso país. Temos uma geração transformada, que nunca mais vai passar fome e que hoje é multiplicadora do Bem. Sabemos que a miséria tem solução, mas nós precisamos agir para a mudança que queremos”, reforça.

Ao longo das três décadas de atuação, a Amigos do Bem tem levado projetos contínuos de trabalho e renda, educação, acesso à água potável, atendimentos de saúde e moradia digna para milhares de pessoas que vivem em 300 povoados localizados no sertão dos estados de Alagoas, Pernambuco e Ceará.

Além de beneficiar milhões de pessoas, a instituição construiu quatro Cidades do Bem nas regiões onde atua, totalizando mais de 540 casas de alvenaria, 123 cisternas e 60 poços artesianos. Já nos quatro Centros de Transformação, mais de 10 mil crianças e jovens participam diariamente de atividades socioeducativas. A ONG também oferece bolsas de estudo em instituições de ensino superior parceiras, proporcionando formação profissional e oportunidades de um futuro melhor para crianças e jovens do sertão nordestino.

Por meio da iniciativa, mais de 1.500 empregos foram gerados nas fábricas de beneficiamento de castanha e doces, bem como nas oficinas de artesanato e costura. A renda proveniente da venda desses produtos solidários e de sacolas de patchwork é integralmente reinvestida nos projetos da instituição.

“Hoje, eu faço parte do início de uma transformação, do início de oportunidades. Hoje, eu posso sonhar (com um futuro melhor), pois estudo em uma escola dos Amigos do Bem”, afirma Thiago da Silva Leite, jovem atendido pela ONG.

O Jantar dos Amigos do Bem é bianual e o recurso arrecado será destinado para a construção de um novo Centro de Transformação e para a manutenção dos diversos projetos da ONG, que possui grandes dimensões e um orçamento desafiador para atender regularmente milhares de pessoas. “Estamos muito felizes e agradecidos por todas as doações. Continuamos nossa caminhada e campanha de 30 anos para manter, atender e transformar a vida de muitas pessoas”, descreve Alcione.

A Amigos do Bem pretende inaugurar o quinto Centro de Transformação no povoado “Cabelo Duro”, localizado no sertão de Pernambuco, que tem o objetivo de atender mais de 2 mil crianças que vivem em situação de pobreza extrema. “Este é mais um passo importante na trajetória dos Amigos do Bem. Quando investimos em educação, estamos rompendo um ciclo secular de miséria nessa região. Estamos escrevendo um futuro diferente para estas crianças, jovens e suas famílias”, complementa a executiva.

O evento foi totalmente realizado com a ajuda de centenas de voluntários Amigos do Bem. “É uma alegria e um orgulho ver o resultado do nosso trabalho neste evento. Junto com muitos voluntários e a idealização da Alcione, criamos este cenário, trouxemos um povoado do sertão para São Paulo. Trabalhamos muito, com muita alegria sempre. Este projeto transforma a vidas das famílias do sertão e a nossa também. É muito gratificante”, afirma a arquiteta Marcia Wan Dick, voluntária há 20 anos dos Amigos do Bem.

Amigos do Bem 

A ONG Amigos do Bem desenvolve projetos de educação, geração de trabalho e renda, acesso à água potável, cuidados de saúde e moradia digna no sertão. Atualmente, mais de 150 mil pessoas são atendidas mensalmente em 300 povoados do sertão de Alagoas, Pernambuco e Ceará.  Para mais informações sobre a ONG Amigos do Bem por meio do portal e redes sociais: InstagramFacebookYouTube e LinkedIn.

REALIZAÇÕES DA ONG AMIGOS DO BEM

  • 150 mil pessoas atendidas todos os meses;
  • 300 povoados atendidos no sertão de Alagoas, Pernambuco e Ceará;
  • 10 mil crianças e jovens nos 4 Centros de Transformação;
  • 1,8 milhão de refeições servidas por ano para as crianças dos Centros de Transformação;
  • 1,5 mil empregos gerados no sertão (Plantações, Fábrica de Beneficiamento de Castanha de Caju, Oficinas de Costura e Artesanato, Fábrica de Doces e Mel e Educadores e postos administrativos);
  • 10.600 voluntários que dedicam mais de 372 mil horas do Bem por ano;
  • 35 mil m2 de edificações construídas (centros de atendimento, entre outros);
  • 123 cisternas para levar água à população;
  • 60 poços artesianos perfurados;
  • 543 casas construídas;
  • Mais de 187 mil atendimentos médicos e odontológicos no último ano;
  • Mais de 500 bolsas de estudo para faculdade.
POR: Rita Moraes
Publicado em 06/10/2023