ConexãoIn


Paulo Afonso adere a projeto e vacina crianças e adolescentes em escolas

O projeto Vacinação nas Escolas, criado pela Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC) e que tem a parceria com a Secretaria da Saúde (Sesab), segue cuidando e vacinando as crianças em toda a Bahia. Lançada na abertura no ano letivo de 2024, no dia 19, a iniciativa começou nesta segunda-feira (26) e tem como objetivo erradicar, eliminar e controlar diversas doenças imunopreveníveis infectocontagiosas, ampliando, assim, a proteção dos estudantes matriculados na rede pública de ensino da Bahia.
Nesta segunda, a Escola Municipal Vereador João Bosco, em Paulo Afonso, foi uma das que recebeu a equipe da Sesab para realizar a vacinação dos seus alunos. Ao todo, 335 doses de vacinas foram aplicadas nas crianças e adolescentes, com imunização contra HPV, meningocócica ACWY, febre amarela, difteria e tétano e covid-19.
“Ficamos felizes com o interesse de diversas escolas em participar do projeto. É apenas o primeiro dia e esperamos melhorar ainda mais nossa cobertura vacinal e cuidar para que nossas crianças e adolescentes fiquem cada vez mais protegidos. A vacina salva vidas, ainda mais dessas faixas etárias”, afirma a secretária da Saúde do Estado, Roberta Santana.
Para participar do projeto, é preciso que as unidades de ensino agendem a visita dos profissionais e comuniquem previamente aos pais ou responsáveis dos alunos. O cronograma prevê duas semanas de mobilização, sendo a do primeiro semestre programada para ocorrer desta segunda-feira a 1º/3 e a do segundo semestre, de 8/7 a 12/7.
Alunos das redes municipal e privada também estão sendo contemplados. Para que isso ocorra, é necessário que as escolas solicitem a presença das equipes.
É importante a apresentação do cartão de vacina para ser avaliado e atualizado conforme a necessidade. Também estão sendo realizadas mobilização de pais, responsáveis e famílias sobre a importância da vacinação para manter a comunidade escolar protegida e abordagem do tema para a comunidade em escolas e eventos do setor de educação.
POR: Rita Moraes
Publicado em 28/02/2024